De onde John Green tirou o título “Tartarugas até lá embaixo”?

Tartarugas até lá embaixo? De onde John Green tirou esse nome para o seu novo livro? É piada interna? Pegadinha? Um livro sobre tartarugas? Também ficamos surpresos por aqui, mas o Sr. Green tem sempre tudo bem pensado e amarradinho, e com certeza não escolheu esse título à toa.

Circula na comunidade científica – Stephen Hawking conta isso no primeiro capítulo do livro Uma breve história do tempo – uma história sobre um renomado cientista que certa vez dava uma palestra sobre astronomia. Ele falava do modo como a Terra orbita o Sol e como o Sol, por sua vez, orbita o centro de uma vasta coleção de estrelas que chamamos de galáxia. Quando a palestra terminou, uma senhorinha se levantou e disse: “O que o senhor acabou de falar é bobagem. Na verdade, o mundo é um prato achatado apoiado no dorso de uma tartaruga gigante.” O cientista então perguntou em que a tal tartaruga gigante estaria apoiada e a senhorinha respondeu: “Em outra tartaruga. Uma tartaruga abaixo da outra. Há tartarugas até lá embaixo.”

Essa é a explicação para o título. Mas é preciso ter só mais um pouquinho de paciência, porque isso tudo só vai fazer sentido mesmo quando vocês conhecerem a história da Aza Holmes, protagonista de Tartarugas até lá embaixo. Aza é uma menina que sofre de transtorno obsessivo-compulsivo, um distúrbio que se caracteriza por uma espiral de pensamentos que parece não ter fim (como o próprio John Green explica neste vídeo – assista abaixo). O que podemos garantir é que não é uma história sobre tartarugas, mas uma emocionante jornada de uma garota que vê o mundo de um jeito diferente. Dia 10 de outubro vocês vão descobrir.

Fonte: Editora Intríseca

Para os fãs de TWD e do Terror! Participe do "Primeiro Walker Con" em SPSaiba Mais