“To the Bone” | Dica de Filme

Chocante, mas ao mesmo tempo leve! Assim é o filme “O mínimo para viver” (“To The Bone“), uma produção da Netflix que trata a anorexia.

Com elenco formado por Lily Collins e Keanu Reeves, o enredo se passa na vida de Ellen, uma garota de 20 anos que sofre da doença ao mesmo tempo que vive com uma família extremamente problemática, aumentando as dificuldades no tratamento. Porém, percebendo que a garota estava em um caminho sem volta, eles se unem para tirá-la dessa situação, procurando um médico que trabalha com métodos pouco convencionais, o Dr. William Beckham, que desafia seus pacientes a enfrentarem o problema encarando a vida de frente e percebendo o grande valor que se há em viver.

Na casa onde vivem os “pacientes”, a menina encontra outras pessoas que passam pelo mesmo problema e vivencia a dificuldade de cada um em superar o dia a dia.

Entre eles está Luke, um rapaz que sempre busca a atenção de Ellen, e por quem ela logo ganha simpatia e que a ajudará a sair do fundo do poço.

Com cenas mais chocantes, apresentando corpos extremamente magros, o filme mostra o problema de forma clara, porém com um toque de sutileza, que não agride quem assiste.

Diante de um assunto tão polêmico, talvez essa seja a grande sacada da diretoria e roteirista Marti Noxon, que consegue abordar o tema, mostrando as suas diferentes fases, sem focar somente no negativo.

Uma produção que merece nossa atenção, diante da importância e seriedade do entendimento da anorexia, e que pode mostrar o lado cruel dessa doença ainda pouco falada.